quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Triste Venise

(Henrique Borralho e Patrícia Luzio)

Solto, solta, salta
Não tem rédea
nem direção
nem freio
– pulsão

Não tem jeito...

Desrazão
disforme
incólume
senão...

Barco preso no chão
velas rasgadas
mar turbulento
tripulação assombrada:
ausência de cais

Solto, solta, salta



Nenhum comentário:

Postar um comentário