quarta-feira, 29 de julho de 2015

Em que lugar?



Lucía Tugeiro de Paula Borralho



( poema feito pelo minha poeta de apenas 07 anos, minha petiz Lucía, no quinto dia de expedição nas trilhas da Estrada Real, entre Santa Barbara_Barão dos Cocais_Caeté_Sabará).



Em que lugar?


Ali eu não vou e nem volto
A minha alegria do olhar
Está no meu gritar
E assim vou falar:
_ o que tem com você?
É só dizer...
Não sou nenhum monstro
E nem um pesadelo
Só sou um olhar
Que vem do bla bla bla
Fale logo, antes de eu crescer
Não acorrente suas tristezas
Somente num olhar

Nenhum comentário:

Postar um comentário